Zara, pára de fazer isto ao meu coração!

segunda-feira, outubro 10, 2016



Não tenho por hábito dispensar minutos do meu dia a fazer scroll em páginas de lojas de roupa - por norma, isto costuma acontecer com espaços online dedicados a alimentação saudável e a cosmética natural. Mas quando as minhas amigas me fazem chegar links de bombers que parecem biker jackets à la Bon Jovi (€ 49.95), fico à beira da taquicardia. Chovem sincopes aqui para estes lados, daquelas que são benéficas para o coração e verdadeiros bálsamos para a alma, mas que a malfadada carteira rejeita no primeiro embate. Sim, ela fica claramente a pensar no espaço da estante (mas qual, JJ? não vejo algum!) que falta preencher com mais um livro.


No que toca à experiência de escolher a nova peça a morar no meu armário, prefiro tocar no tecido, sentir a sua textura na mão e a forma como cai sob o corpo. Penso que este ritual está enraizado em mim, nas minhas memórias de infância: o meu pai trabalha numa das mais antigas retrosarias da Rua da Conceição, em Lisboa, por isso, toda a minha vida, cresci rodeada de botões, alfinetes, agulhas e dedais. A minha avó Rosa era costureira, a minha avó Tília tinha uma máquina de costura Singer, daquelas que o Fábulas recuperou e transformou em mesas-morada de inesquecíveis banquetes.
 


Bem, a Zara ocupa, talvez, o lugar cimeiro da minha lista de lojas de centros comerciais e é por isso que sempre que os meus olhos se demoram numa nova coleção, é impossível não ficar apaixonada por mais um detalhe, padrão ou cor. Estas são as quatro peças que ocupam a minha wishlist de outubro. QUERIA TODAS, sem exceção, mas penso que algumas vão ter de esperar por uma nova visita. Isto porque a lista de livros aumenta a cada novo dia e a maleita tem, claramente, tendência para piorar.

Bom semana, queridos leitores! E contenham-se, por favor. 

* Todas as imagens foram retiradas do site oficial da Zara.

You Might Also Like

2 comentários

  1. Aquele vestido sem ombros apaixonou-me! também vi um vestido de veludo na Zara que adorei, acho que ainda o vou buscar, ai, ai :)

    ResponderEliminar